sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

A montanha-russa é verdadeira

Hi, people!

Devem estar cansadas das minhas atualizações já ne? Meu Deus, meu intuito era postar duas vezes por mês! haha Mas também quero deixar algumas coisas registradas aqui pro futuro, então, prefiro não deixar passar. Além disso, adoro escrever, ainda mais em português! haha Melhor ainda quando é algo útil pra vocês ne? Fiquei feliz que gostaram do último post!

Ah, sem contar que estamos no inverno e eu ainda não to dirigindo porque esse monte de neve me deixa receosa de ficar atolada (se acontece até com minha host, imagina comigo!), o que me impede de sair de noite, e assim, me dá tempo pra postar no blog (eu devia estar lendo o manual pra tirar a DL, mas enfim, outra história).

Hoje resolvi falar de algo que acho interessante compartilhar com as futuras au pairs. Sabem aquela velha história da montanha-russa do processo e da vida aupairiana? Eu já tinha lido muito sobre isso. Que nos weekedns estamos no topo, nos dias de trabalho, lá em baixo.

Bom, com essa parte de que fds é topo, e trabalho é baixo, eu discordo. Mas, a montanha-russa acontece mesmo. E vou dar um exemplo bem claro pra vocês: ontem fui dormir achando que tinha tido the best day ever, e hoje, acordei no pior dia de todos desde que cheguei aqui! (Nota: agora mais calma, olhando pra trás, percebo que não foi tão big deal assim, podia ter sido pior. Mas ainda assim, não foi bom e foi o dia mais difícil de todos até agora!).

Pra falar de ontem (the best day ever - to falando de workdays gente haha). Acordei de manha, e guess what? Host ia ficar em casa, porque a previsão era de uma big snowsotrm, e quando isso acontece ele trabalha no escritório, eee... tchanana, a host também, porque ela tava se sentindo um pouco mal. Logo pensei 'vish, vigiada o dia inteiro' rs (a casa é pequena, vocês já sabem).

Mas foi simplesmente o dia mais easy de todos!! As kids estavam muito calminhas. Nos divertimos um monte, e nem vi os hosts! Eles tem total noção de que  a presença deles atrapalha meu trabalho, quando eles não estão ajudando. Então, até pra ir no banheiro esperam algum momento que as kids não estejam no caminho. Achei bem legal.

Deu meio dia e a host de cara porque não tinha nevado ainda! (Porque era pra ser a mais forte que já tinha tido até agora, e provavelmente isso contribuiu pra ela ficar em casa já que estava se sentindo mal). Deu uns minutos, começou a nevar. MUITO!!! Eram snowflakes enormes. Linnnnndo de ver e minha camera nao conseguiu captar! :| Mas gente, parecia cascata de neve. De qualquer jeito, vou compartilhar os vídeos que fiz aqui, mas fiz isso no começo, quando ainda não tava muito forte. Depois as kids já tinham acordado e eu não podia ir la fora gravar again #sorry Mas sério, eu tava tipo assim: "é verdade isso que tô vivvendo?" ahaa (acho que fica um pouco melhor se assistir em tela cheia).

video

E esse outro vídeo, fiz uns 30min depois do primeiro. Ainda não tava tão forte, quanto ficou.

video
( e sim, é um mini-school bus ali hahaha passam varios aqui em casa, durante o dia inteiro! Ainda pego uma carona!!)

Algumas horas depois, a rua era um tapete branco e fofo. Tava tuuudo branco. Incrível!!! Hoje de manhã os caminhoes ja tinham passado pra abir a rua #sad mas necessário! rs

Enfim, depois da NAP, mais crianças queridas, batida que a host fez pra todo mundo, inclusive pra mim :) (aliás, eu volto da aula e tem um pratinho de janta me esperando na geladeira. Digamos que ela já entendeu que me alimento bem hehe).

Ontem fiquei off mais cedo, mas ficamos todos juntos lá na sala/cozinha, enquanto a host preparava a janta. Aí meu host, que ama Minnesota e neve, disse pra gente assistir ele pela janela, fazer um snowman do lado de fora. Foi muuuuito engraçado, porque tinha muita neve e ele caiu varias vezes. Dai uma hora ele entrou na garagem pra pegar spray pra fazer os olhos, e nisso o snowman se quebrou no meio. Quando ele chegou no patio de novo, ele demorou pra realise o que tinha acontecido, e quando ele viu, foi muito engraçado! hahahaha

Depois ele voltou pra sala, e minha guria de 4 anos disse que ia colocar os sapatos porque queria brincar la fora, e de brincadeira meu host disse 'ah ta, ok'. Só claro que ela não iria sozinha né. Dai ela levantou e foi no closet colocar os sapatos mesmo. E meu host já com cara de quem se arrependeu da piada que ele quis tentar fazer. Então eu disse 'eu posso ir lá fora com ela'. Meu host é meio devagar as vezes, além de esquecido, e isso faz minha vida muito mais engraçada rs Então primeiro ele achou que eu tava sendo educada, depois se tocou e disse 'ah, verdade! tu realmente poderia ir lá fora porque tu deve tá louca pra ir brincar na neve!' HAHAHA o jeito que ele fala é muito engraçado. Dai eu com uma cara de 'siiiiiim'. Nos arrumamos super rapido, pegamos minha camera, e no fim, todo mundo decidiu ir la fora hahaha Meu host, super querido, se ofereceu pra me filmar enquanto eu tava na neve, pra eu mostrar pros meus pais. Vou colocar um pedaço aqui que só aparece eu, porque vocês já sabem né... aquela história de sempre sobre o direito de imagem das kids rs :\

video
Nota: to MUITO monga nesse vídeo gente. Eu sou um pouco, naturalmente. Mas considerem que eu estava caminhando na neve e anestesiada por finalmente entender que isso tá acontecendo de verdade! Esse é o exato momento de uma ficha caindo haha

E, exatamente como postei no facebook, o anjo não ficou bonito, mas foi muito divertido!

                                     

E agora, umas fotos do que restou depois da snowstorm. As árvores ficam simplesmente lindas!!










Lindo né? E ainda me perguntam se já to odiando inverno! Não tem como odiar isso, ainda mais depois que inventaram calefação. A vida é bela, só isso que digo pessoas haha

Bom, foi simplesmente um dia com energia boa sabe? Não sei o que deu. Mas teve vários pequenos momentos que fizeram o todo ser muito, muito bom mesmo.

Já hoje... Dia normal. Sozinha em casa com as kids e escola cancelada (não fazem isso muito aqui por causa da neve, porque neva muito, e segundo a host, se parassem 'só' por causa disso, teriam que recuperar muitos dias. Mas ontem nevou muito mesmo, e durante a madrugada também, então não teve tempo suficiente pra limparem as ruas e tal). Não me assusto quando fico sabendo que não vai ter aula, porque como vocês viram, são só duas horas e meia. Claro, já é alguma coisa. Já é um 'passeio' que faço com eles até a escola, mas dá pra viver sem.

Só que hoje a menina de 4 simplesmente acordou num péssimo dia. Tava sendo rude (eles usam mt essa palavra aqui! rs) e nada era legal o suficiente. Não funcionou livros, não funcionou arts&crafts, atividades que eu propunha (porque ando pesquisando bastante na internet!), simplesmente nada. E normalmente, se ela fica assim, o irmão de 3 anos vai na onda. Daí os dois não querem brincar, só querem saber de 'get crazy'. Enfim, gente. Sério, a manhã durou das 07h30 ao meio dia. Foi muito longa! Foi muuuuuito dificil, eles estavam muito diferentes hoje mesmo. Até o baby, não dormiu um segundinho se quer hoje de manhã. Ai resolvi take a walk com eles na vizinhança. Ok, fomos. Coitados, pareciam zumbis caminhando. Definitivamente, eles não curtiram aquilo também. Tá dando pra entender? NADA hoje, deixou eles satisfeitos.

Voltamos pra casa. Dei almoço. Coloquei baby na nap. E ele simplesmente levou uma hora até pegar no sono! Enquanto isso, pega no colo, bota de volta no berço, troca de lugar, canta musica da cuca, faz a dança do filme da operação babá (tá, não fiz isso, mas né...) e nada funciona!

Pera que tem mais. Uns minutos depois de colocar o baby no berço, vao as kids mais velhas, como vocês viram no schedule. Aí, senti que o nenê tinha feito cocô. Fui trocar a fralda dele, e adivinha o que acontece? Meu menino de 3 anos faz xixi nas calças, em cima da cama!! Simmmmm! Ele já tava uns dias sem ter pee accidents, mas hoje, como a energia tava ruim já, ele quis contribuir. rs

Enfim, depois de uma hora, todos tinham dormido e eu fui pra cozinha tomar um café e comer chips com nutella. Pode parecer estranho, mas eu precisava de um 'treat' haha Então fui fazer o que eu precisava e depois de alguns minutos by myself, eu já tava mais tranquila e torcendo pra que depois da nap eles acordassem como minhas boas e velhas hostkids que tanto amo hahaa (porque sim gente, nós perdemos a paciência depois de 5h tentando entreter crianças e nada funcionar. N-A-D-A! e isso, claro, só faz nos sentirmos pior).

Adivinhem só? Me julguem, mas o snack da tarde foi um problema também: Abacaxi. As crianças deviam comer abacaxi cfe o que a host deixou anotado pra mim. Gente, eu nunca tinha descascado um abacaxi! Não a fruta, pelo menos rs Claro que isso não foi problema pra mim, assitir 30seg no youtube e descasquei o bendito. Mas depois dessa tive certeza de que não era meu dia hahaha (detalhe: hoje trabalhei 13h porque era datenight).

Depois de resolver o abacaxi, fomos brincar no quarto deles, e finalmente, foi um pouco melhor. Eles conseguiram brincar by themselves, sem brigar ou chorar muito. 

Daí o host chegou em casa e contei como foi o dia haha E ele me contou como foi o dele. (Foi hard day também). Ele finalmente entendeu o que eu disse quando contei que nem livros, nem artes, nem jogos dirigidos, nada funcionou. Aí ele conversou com as crianças, e sem ele dizer nada, os dois mais velhos vieram me dizer "I'm sorry, Duda". Aiiii gente, fala sério? hahaha Parecia que minhas kids tinham voltado pra mim, amém!

Quando a host chegou, tava eu, o host e as crianças na sala. Aí eu perguntei se ela tinha tido um dia bom, porque os nossos... hahaha foi engraçado. Hoje comprovei mais uma coisa que tinha ficado sabendo sobre a HF ainda no Brasil. A aupair antiga disse que eles são do tipo pra quem tu pode falar que o dia não foi easy, porque eles entendem que nem todos são mesmo.

Dei os detalhes sórdidos pra host. Meu host aproveitou pra fazer piadinha de "imagina quando tu tiver com as 4 crianças no ano que vem" hahaha e a hosta fez aquela cara de "para de falar em extensão com a coitada" rs ela é muito cute :)

Well, depois disso tudo, me perguntaram se eu tava ok em fazer as 13h mesmo haha. E eu tava sim, porque durante a noite é facil cuidar deles. O baby logo vai dormir, e os mais velhos assistem filme. Então, no big deal mesmo. Disse pra ela não se preocupar que tava de boa, e que por um lado eu tava até feliz, porque agora vou dar mais valor pras minhas hostkids de normalmente hahaha (quer dizer, espero que elas voltem ao normal né? já pensou 3 crazy kids todos os dias?!) rs

Era isso gente. Hoje foi o dia mais difícil de todos, e quis vir contar aqui porque essa semana teve gente dizendo que tá com inveja de mim e etc, pq devo estar tendo uma vida maravilhosa aqui. Mas na verdade não é maravilhosa todos os dias, o dia inteiro, né. E não sei como soa pra vocês, mas é realmente difícil quando a gente não consegue controlar as crianças, ou seja, venham preparadas pra dias ruins TAMBÉM! Claro que talvez lendo aqui, não pareça too bad assim, mas lembrem que a intensidade dos sentimentos numa montanha-russa, é a mesma num programa de au pair/longe da nossa zona de conforto, ou seja, intensificada!

Pra terminar, o fora de hoje (será possível? Até quando vão esses foras com os hosts?): quando eles voltam, de noite, sempre ouço o barulho da porta e vou checar lá embaixo, porque aqui as portas ficam abertas! Simmmm! Não aqui nos EUA, aqui na minha casa é que eles são loucos, segundo meu host haha
Mas eles não tinham ligado a luz, tava tudo escuro. Dai parei no 4º degrau da escada pra me acostumar com a luminosidade, sabe? E do nada meu host aparece pra subir. Quando ele levanta a cabeça ele dá de caracom meu vulto e fala: "Nossa!! Tu me assustou!" tipo, ele repetiu isso umas 3 vezes. E eu rindo dele, porque foi muito engraçado o jeito. Daí minha host disse que ele se assusta muito fácil, só que na verdade eu também teria me assustado. Sério, eu rio de me lembrar da cena hahahah fiquei lá, rindo e pedindo desculpas. Mas acho que ele ficou meio brabo gente, não consegui ver. Mas ele realmente teve um coração parado por 1seg kkk Daí ele subiu as escadas dizendo que ia morrer logo nos próximos dois anos. Não sei se ele tava se referindo a minha extensão (porque na verdade eu vivo assustando eles rs) ou se ele só quis dizer que vai morrer cedo mesmo rs Enfim, amanhã descubro se ele ta ok comigo. Espero que sim.

Tá, terminei!
Prometo demorar mais pra voltar da próxima vez!

Beijos,
Duda.

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Schedule e house duties

Oi, pessoas :)
(oi, thais hehe)

Como me pediram, hoje vou falar do meu schedule aqui, e vou aproveitar pra incluir minhas house duties (tarefas da 'casa). Achei engraçado, porque quando tinha post sobre esse assunto em outros blogs, eu não gostava de ler, sei lá, achava annoying hahaha Vai entender!! Porque na vevrdade é bem importante né? Pra sabermos como é o dia-a-dia de aupair.  Vou tentar fazer meu post dinâmico, e tenho certeza que vocês vão rir no episódio da vassoura e no episódio do vacuum rs

Enfim, vamos lá.

Quando a família entrou no meu perfil, o que tinha no application era o seguinte:

Segunda-feira: 07:30 às 17:30
Terça-feira: 07:30 às 17:30
Quarta-feira: OFF :)
Quinta-feira: 07:30 às 17:30
Sexta-feira: 07:30 às 17:30
Sábado: OFF :)
Domingo: 18:00 às 23:00 (date night)

Total: 45h.

Além disso, dizia que o schedule era pretty consistant, ou seja, não mudava com muita frequência. A partir disso, nem fiz perguntas sobre o schedule, a não ser aquela sobre como funcionaria se eu quisesse o domingo off para uma viagem e/ou programa especial (que comentei em algum post antigo e que a resposta foi: "queremos ver você com amigos e very happy, ou seja, daremos um jeito por que temos muitos amigos e parentes morando perto") .

Bom, não foi bem assim. Na verdade, nem sempre o date night é no domingo. Como vocês viram nesse post aqui, logo de cara, já teve um dia que trabalhei no sábado a noite. Aí pensei pra mim: poxa, vai ser meio ruim isso de cada semana ser num dia diferente, porque eu só fico sabendo na semana anterior. Massss, depois vi que tudo tem um lado bom hehe Eu já tive 5 fim de semanas aqui, e desses, 4 foram off. Sim minhas queridas :) Foram off porque 1. ou eu trabalhei na quarta de manhã, pra host ir no médico por causa da gravidez, ou levar o menino de 3 anos na fonoaudióloga , 2. ou trabalhei mais que 10h na sexta-feira. Eles me perguntaram se eu estava ok com isso, e eu estava mais do que ok, já que não é difícil trabalhar de noite (janta + filme + por as crianças pra dormir) e isso faz com que eu tenha o sábado e o domingo off.

Quanto aquilo que eles me disseram enquanto eu estava no Brasil sobre eu escolher alguns dias off para viagens e programas que eu quisesse fazer, graças a Deus é assim mesmo!! Semana passada mesmo sentei com a host pra falar de três ou quatro datas, e além de terem me deixado reservá-las (temos um caderninho aqui com calendário mensal e anotações diárias que a host deixa pra mim) ficaram muito felizes em ver que estou me programando pra have fun haha

Bom, então vamos lá, ver como meu dia começa.

Week days:
07:10 - levanto, me arrumo pra descer pro serviço e fico de boa mais uns minutos na minha cama, depois de pronta. Porque já percebi que se eu descesse antes, ia acabar, por minha personalidade mesmo, começando a trabalhar antes e acostumar eles mal rs

07:25 - desço e ajudo a tirar a mesa do café das kids (não, não sou eu que dou café porque elas acordam super cedo rs. depois disso, faço alguma atividade com eles e/ou eles brincam by themselves. Nas terças, nesse horário, a gente sobre pro quarto deles, troca os lençóis e as fronhas pra eu lavar e eles adoram ajudar! haha

8:45 - começamos a nos arrumar pra levar a kid que vai pra escola. eles ajuntam todos os brinquedos (sempre faço isso com eles, seja quando vamos trocar de cômodo ou de brincadeira, senão né, a casa vira um cenário de guerra rs mas claro que enquanto eles brincam, podem fazer bagunça a vontade, afinal, criança é pra isso!) e vão colocar alguma roupa, porque normalmente ainda estão usando os pijamas fofos deles *-* ah, nesse horário aqui tem troca de fralda do baby rs

9:05 - saímos pra escola. A menina de 4 anos vai três vezes por semana, e o menino de 3, 2x. Cada um num dia diferente.

9:25 - snack time pras kids que estão comigo.

9:45 - ponho o baby pra tirar uma nap rapidinha, só pra ele não ficar caindo pelos cantos da casa. e aí limpo de novo a mesa das refeições e fico brincando com a kid que sobra rs Em dia de laundry, aproveito esse horário e desço pro basement pra adiantar o serviço, porque se for deixar tudo pra nap da tarde acaba ficando apertado de fazer tudo antes que eles acordem.

10:05 - acordo o baby, troco a fralda dele again e ficamos brincando e/ou fazendo alguma atividade que eu considere impraticável com as três crianças ao mesmo tempo.

11:25 - começa a função de se arrumar (leia-se colocar meia, tenis, casaco, manta, luca, ou até snowpants se tiver muito frio. Ou seja, quando esquentar isso vai mudar um pouquinho, já que não vamos precisar de taaaanta coisa rs) - em dias de laundry, desço no basement de novo e coloco as roupas na secadora. Faço isso nesses horários porque estou com uma ou duas crianças. Descer com as três NÃO dá. Ta em obra la embaixo, então é perigoso rs

11:35 - vamos pra escola pegar a kid que tá tendo 'aula'. Ah, a escola é muito perto MESMO. É bem dizer, uma quadra de casa.

12:00 - já estamos de volta. Coloco eles na mesa e preparo o almoço. Nada difícil, nunca, Sanduíches, jantar que sobrou de ontem, tacos, enfim, coisas práticas que qualquer eduarda da vida consegue fazer haha
Depois que eles estão prontos, os dois mais velhos vão escovar os dentes sozinhos, eu troco a fralda do baby e daí escovo os dentes dele também. 

12:45 - o baby vai pra nap. Ele vai antes que os mais velhos, porque dormem todos juntos e meu baby é MUITO silly boy. Então se os irmãos tão junto no quarto, muito provavelmente ele vai ficar se rindo pra eles e brincando nas grades do berço. Fofo, mas né, ele precisa dormir haha

13:00 - os mais velhos vão pra cama e eu começo a correria das house duties haha

13:00 às 15:00 - muda de dia pra dia.

Segunda: tirar as roupas da laundry, separar, dobrar e guardar. PS: eles usam MUITA roupa. Não tomam banho todo dia, mas usam bastante roupa rs
Terça: limpar a dining room onde a gente faz todas as refeições + meu banheiro (leia-se passar pano, porque vassoura passo todo dia rs) e tirar os lençóis, fronhas de travesseiro e mini-edredons da laundry, dobrar e guardar.
Quarta: to off.
Quinta: tirar as roupas da laundry, separar, dobrar e guardar (sim, faço duas vezes na semana porque eles usam muita roupa mesmo haha e eu aproveito e lavo minhas coisas junto). E perto da hora deles acordar, vou pro quarto e passo o aspirador de pó no carpete. Faço nessa hora porque normalmente eles ficam grogue logo que acordam (é muito fofo!! haha) e aí me fazer a coisa em paz. Mas prestem atenção, isso é 'normalmente', ou seja, tem dias que não funciona muito bem a tática, mas, não tem horário melhor rs
Sexta: limpar dining room e meu banheiro de novo e dar uma arrumada nas roupas deles (porque fazem a bagunça nas gavetas, já que são as kids que pegam e colocam as roupas de volta) perto da hora deles acordar. (por causa da tática do 'kids grogue').

(normalmente termino minhas coisas pelas 14:30, nos dias mais 'cheios').

Ah, mais uma coisa. Todos os dias, nesse horário, dou uma ajeitada na louça. Coloco na dish washer e dou uma organizada na pia. Sei que não é meu trabalho, e eles também sabem. Já me falaram isso várias vezes e sempre me agradecem. Mas eu nunca faço tudo, ou começo e eles terminam, ou eu termino eles começam. Tem muita louça minha também, e coisas que a host usa pra fazer comida, querendo ou não, que é pra mim. Eu sinto mesmo como meu dever de ajudar, já que moro na casa. De noite, depois da janta, tem dia que ajudo, tem dia que não. E de novo, eles sempre me agradecem e dizem que não preciso fazer isso. Porém, entretanto, todavia, chega a ser divertido, porque fico com eles arrumando as coisas, conversando, enfim, interagindo. 

Agora, gente. Lembram da vassoura e do vacuum (aspirador de pó) que comentei ali em cima? Pois é, na minha primeira semana aqui eu QUEBREI A VASSOURA DA CASA no meio. gente, mas era o ó aquela vassoura haha Eu tava varrendo, ai vi uma gaveta aberta e fui usar a vassoura como ferramenta pra empurrar. Não sei se vocês conseguem entender, mas enfim. Eu tava bem na linha da gaveta, mas algo tava trancando o caminho pra fechar, como coloquei 'muita' força quebrou a vassoura hahaha Claro que foi a primeira coisa que mostrei pros hosts né. Até disse que eu podia pagar e tal, porque né, baratinho haha Eles só riram da minha cara mesmo.

Quanto ao vacuum. Bom, eu ia dizer que das coisas que eu faço de house duties, a úncia que não gosto gostava era a do aspirador, porque afê, o coisinha chata e demorada. Mas, domingo de noite cheguei em casa, meu host pegou o aspirador pra passar na sala, e enquanto eu jantava EU VI O JEITO CERTO DE SE USAR hahaha MUITO MAIS RÁPIDO. Eu não tenho aspirador no Brasil, e eu só tinha visto minha vizinha e minha dinda usarem. Os que eu vi elas usarem, era assim:


Lembro de ter visto elas usarem esse cano preto e deu. Aí, quando peguei o aspirador dos hosts, foi essa memória que me veio a mente. Mas, o aspirador dos meus hosts é tipo esse:

Aspirador de Pó Potente

Então domingo descobri que esse quadrado que pra mim era a base do aspirador, também aspira. E claro, bem mais fácil, porque tu só precisa empurrar o 'carrinho' pra frente e pra trás, não precisa ficar andando com aquele cano pelos cantos do comodo -.- HAHAHA expliquei pra eles a situação todo mundo riu, menos minha host. Minha host ficou pedindo desculpas, dizendo que devia ter me mostrado como se usava kkkkk

Ok, voltando ao schedule:

15:00 - acordar eles e dar o snack da tarde. Mas, normalmente, meu baby levanta antes. Daí fico com ele na minha cama, ou na cadeira super confortável que tem no quarto deles, só fazendo carinho e dando amor, porque ele ainda ta grogue haha

15:30 às 17:30 - brincadeiras e/ou atividades.

Já, em noites de date night, o 'serviço' é bem mais tranquilo. Só preciso dar a janta, por volta das 18h (algo pré-preparado pela host). Depois assistimos a algum filme (durante o dia eles não assistem TV). Aí as 19h30 já é bed time do baby, e 20h das outras kids. Ou seja, bem de boa MESMO.

Well, acho que é isso.
Normalmente não faço as 45h, porque como deu pra perceber no episódio do sorvete, os hosts não demoram muito pra voltar rs Porém, teve dois casos que trabalhei mais do que as 45h. Um foi pro emergência, e outro, até hoje não sei rs

O que eu não sei foi no meu segundo dia. Minha host pediu pra eu começar 30min antes, já que ia ser snowday e ela ia precisar de mais tempo pra chegar no trabalho. Mas eu ia ficar off 30min antes também, porque o host chega todos os dias por volta das 16h30 e vai pro escritório. Ou seja, ele ía sair mais cedo do escritório nesse dia. Deu 17h e nada do homem aparecer. Não sei se foi sacanagem, ou esquecimento, Eu acho que foi esquecimento, porque meu host tem a cabeça na lua mesmo, Vocês não fazem ideia! haha Enfim, fiquei com a pulga né.

O outro dia, mesmo caso, 30min antes por causa da neve. Mas, tanto o host quanto a host chegaram uma hora depois em casa, porque nevou muito na rush hour. Tudo que recebi foi um sorry (a família perfeita diria: amanha você fica off mais cedo rs)

Aííí, quase que teve uma terceira vez, mas dessa vez não deixei passar. Comecei os 30min e as 16h o host ja tava em casa, no escritório. Deus 16h30 ele saiu pra usar o tratorzinho lá na neve, dar uma limpada na calçada e na entrada da garagem. Aí, não sai da onde tirei a cara de pau, mas quando ele já tava na porta falei: 'lembra que hoje eu fico off as 17h?' rs Ele disse que não sabia, dai expliquei que a host tinha saido mais cedo e tal, e ele disse ok, eu volto as 17h. Foi o que aconteceu.
Não sei se ele gostou da minha atitude, mas gente, regra é regra ne. Não que eu fique desesperada pra ficar off. Porque tem dia que fico off mas continuo la embaixo, conversando com eles e tal. Só que né, eles tem que saber que também não estamos aqui de bom coração, se não vira bagunça.

No dia da emergência até entendo, não tinha ninguem em casa mesmo. O que eu ia fazer, deixar as kids sozinhas? Eles bem podiam ter me liberado mais cedo no outro dia, mas, cara de pau pra isso ainda não criei rs Se começar acontecer com muita frequência eu falo mesmo daí. 

Nossa, falei demais! Não sei se eu tinha lido um post desse tamanho com título de schedule, não. :\ Espero que seja útil, e que pelo menos a Thais goste rs

Beijos,
Duda!

PS1: só mais um detalhe. Muita famílias mandam seu schedule completinho na época do namoro, antes do match, ou até depois, enquanto tu ainda tá no Brasil. A minha não, na verdade, nem quando cheguei aqui rs No aupair handbook que eles entregaram tinha o que eu precisava fazer, mas disseram que o dia e a hora melhor, eu que decidia (mas óbvio, estavam contando com meu bom senso rs)

PS2: banhos das kids são domingos e quartas, e os hosts que dão. As vezes, raramente por enquanto, sou eu. Daí faço segundas e quintas :\ Queria fazer todo dia né, mas sou só a au pair rs

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Sobre o Valentine's Day e a Library do deck

Sei que prometi que o próximo post seria sobre schedule, mas esqueci que tinha o valentine's no meio do caminho, então Thais, prometo que essa semana sai o post, ok? hehe

Pois é, ontem foi minha primeira 'data americana' especial, se é que vocês me entendem rs Valentine's Day! Não é Dia dos Namorados, não pessoal! Se fosse pra chamar de dia de alguma coisa, seria do amor. Mas se quiserem traduzir mesmo pro PT, é Dia de São Valentim hehe 

Eu não tava esperando nada demais, minha host já tinha me dito que uma vez que eles não faziam nada demais. Mas gente, TUDO, TUDO, TUDO é voltado ao amor nesses dias rs A target tava simplesmente cheia de cartões, corações e presentinhos especiais de Valentine's day.

Meu primeiro presente ganhei da Lê semana passada #querida Eu comentei com ela que queria comprar uma mochila, ai me aparece com uma linda pra mim! Sem falar no cartão né, simplesmente amei!


As crianças tem festa de Valentine's Day em tudo que é canto. Então compra-se sacos e sacos de treat, e cartõezinhos pra dividir com os colegas. hehe

Esses sãos os que minha host comprou pra minha kid. De princesas, claro né! hehe

Dentro dos corações se escreve os nomes de "from" e "to"

A preferida da minha kid é a Cinderella.

Frente e verso do cartão. Depois de colocar os nomes, dobra no meio e fecha com um adesivo, de coração também rs
Well, desci pra ir trabalhar bem despretensiosa e olha o que me esperava na mesa! Achei tão fofo. *-* (já comi todos os chocolates rs)

Dentro dos corações eles escreveram "from your host family to the greatest nanny Duda" (L)

Eu não comprei nada de especial, nem pras kids nem pros hosts. Eu achei mais legal fazer algo diferente, do que comprar qualquer coisa. Sem contar, que saiu mais barato de graça na verdade haha Pras kids eu dei brazilian chocolate depois do snack, porque comprei algumas coisinhas de um mercado em NY que entrega em todo os EUA, cobrando só $10 o frete. Chama Rio Bonito, se quiserem salvar, ta aqui o link.

Pros hosts preparei o seguinte: fiz uns cartões mais elaborados com as kids. A ideia peguei no grupão mesmo (santo grupão!), uma menina postou a foto de como fazer e tal, e achei bem fofinho. É tipo assim: 

Com as minhas kids, fiz um pouco diferente, porque né, como vocês podem ver, esse cartão ai de cima não parece em nada com algo que uma criança menor de 4 anos conseguiria fazer, apesar de estar lindo, claro hehe Então, eu fiz o urso, e dei um coração pra cada kid, assim elas enfeitaram do jeito que queriam. Ficaram muito cute, mas esqueci de tirar foto só dos cartões antes deles entregarem pros hosts, sorry!

Editado: fui la embaixo na cozinha agora, e acabei de ver que os hosts penduraram os cartões no espelho da sala de jantar. Tirei uma fotinho pra vocês hehe



Aíiii vem a parte mais legal do presente: montei um video de 1min, mais ou menos, com as fotos das kids fazendo os cartões - o antes e o depois - e com um video, de uma 'entrevista' com eles. Eles começam dizendo 'mom and dady: te amo!' haha SO CUTE! Depois eu pergunto o que isso significa e eles explicam que é assim que se diz love you em português. A concordância não tá certa né? Mas ía ficar muito difícil pra eles dizerem 'amamos vocês' hahaha Depois disso eu pergunto pra eles porque eles amam os pais, e eles respondem que é porque os pais dão deram doces pra eles ontem de manhã hahahhahaa Muito funny! E o melhor é que durante o video os dois meninos começarem a se abraçar e ficar brincando juntos, de dar abraço e beijo, rs ficou muito fofo. Meus hosts simplesmente amaram e nm acreditaram quando eu contei que existe um programa como  o movie maker hahahahha Sério, foi muita engraçada a relação deles.

Ah, durante o vídeo fui colocando legenda e causos que ocorreram durante a confecção dos cartões e a gravação do video. Ficou fofinho na minha opinião :) Queria postar aqui pra vocês, mas né, as crianças não são minhas :\

Pra finalizar, tivemos pizza em forma de coração e fiz brigadeiro de sobremesa. Foi bem legal, e as kids amaram né kk #formigas

É isso, meu Valentine's day se resumiu a bastante doce e trabalho pra deixar tudo pronto a tempo!!

E hoje, sábado, saí de manha pra dirigir com o host na neve, peguei até highway e ele disse que dirijo muito bem :] Depois fomos no banco, abrir minha conta porque finalmente seu social security number chegou (gente, 5 semanas depois que solicitei o bendito chegou, sendo que pra quase todo mundo leva menos de 10 dias! Enfim, pelo menos chegou rs). E, depois disso, viemos pra casa pegar a host e as kids pra ir na library. Nossa, me encantei. Preciso contar pra vocês como funciona haha

As biblioteca públicas aqui de Minnesota são integradas e muito boas. Tu não paga nada pra se cadastrar, nem pra retirar livros nada. Claro, paga multa por atraso, se não devolver tudo no dia certo hehe Pode ficar com os livros por até três semanas, e tem CDs e DVDs pra alugar também. Esses só podem ficar contigo por uma semana.

Agora, olha que legal. Se a biblioteca da tua cidade não é muito grande, e não tem algo que tu queira, tu entra no site, solicita, e eles vão mandar de graça de uma outra biblioteca para a tua, daí tu vai lá e retira. Achei muito legal!

A biblioteca aqui de North Saint Paul não é enorme, mas é boa. Mas hoje meus hosts me levaram na cidade vizinha (super perto, como já expliquei pra vocês né rs) pra conhecer a que eles costumam ir e fazer meu cartão. Gente, o prédio é lindo por fora e por dentro! Nem parece coisa pública, sério rs O atendimento é ótimo.

Mas, a parte que mais gostei dessa biblioteca em específico é: tem um lago com deck pras pessoas irem ler nos fundos! hahaha Atualemente tá congelado, mas com certeza vou passar um tempinho relaxando por lá rs O lugar tem vários janelões com poltronas, que dão vista pra esse lago também. É bem legal.

E agora, umas fotinhos que tirei na camufla, porque fiquei com medo de parecer a louca haha

Nesse computador a gente mesmo 'da baixa' nos livros que estamos levando. Só colocar os livros nesse espaço preto, ali na mesa, e a tua carteirinha nesse sensor que tem ali a direita. Pronto. Pode ir embora. Prático como quase tudo nesse país!                                                





Enfim, só quis compartilhar com vocês, porque desconfio que pessoas que leem/escrevem blogs curtem ler livros também hehe E só pra constar, o primeiro livro que peguei foi "The Last Song", Nicholas Sparks. Eu já li em PT, então provavelmente vai ser mais fácil de entender hehe Depois parto pra coleção do Harry Potter (minha host tem todos!! e disse que tô autorizada a abusar deles o quanto quiser haha).

Beijos,
Duda.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Eu, comilona?


Ai gente, desculpem!

Sei que já postei ontem, e que não foi nada pequena a atualização rs mas realmente eu quero deixar isso registrado aqui pra voltar daqui algum tempo e rir muito da minha própria desgraça.

Lembram do episódio do sorvete? Fichinha! haha

Então, não sei se já comentei aqui, mas eu sou meio completamente boa de garfo. E como se já não bastasse ter uma família ótima, amigos maravilhosos, vida tranquila e tal, Deus me abençoou com um corpo que não engorda muito fácil. (abre parenteses pra contar que uma vez, quando eu tinha uns 14 anos, no intervalo da aula de dança eu tava comendo um pastel e um chocolate, ou algo do tipo, e uma guria, hoje amiga, mas que na época não gostava de mim, me jogou uma praga dizendo "um dia tu vai engordar tudo que tu come hoje de uma vez só!" HAHAHAHAHHA eu lembro disso até hoje gente! Uma por que acho muito engraçado, outra porque tenho medo que a praga pegue rs)

Enfim, chego nos EUA e o que acontece comigo? Ganho uma host que cozinha todos os dias comida diferente pra janta, e faz isso maravilhosamente bem! Eu achei que tava me controlando mas... uns dias atrás eles disseram que eu sou uma good eating. Eu falei, "ai, sério que vocês já acham isso?" haha expliquei que eu tava um pouco preocupada em sentir falta da comida brasileira e tal, mas que tava muito feliz nesse sentido rs Me fiz um pouco de envergonhada e eles disseram pra eu não me incomodar, porque na verdade isso era muito bom. A outra au pair não comia muito (e eu pude comprovar isso, porque ela veio visitar antes de ir embora e realmente não comeu muito rs)

Aí, OLHA O QUE ACONTECEU SÁBADO. Os avós vieram jantar aqui (muito queridos por sinal!) e a comida tava ótima, pra variar. Aí sobrou um restinho e o meu host pra mim: "vai Duda, come, eu sei que tu pode". Depois disso, ele pega e fala pros avós "a Duda consegue comer tanto quanto eu como!". (detalhe: ele é um homem de 32 anos, com bom apetite). Ai eu me fazendo de ofendida, mas na brincadeira claro "o que?? não acredito que tu reparou nisso!" Dai ele se explicando: "Claro, a gente come junto todos os dias, eu vejo quando tu te serve blablabla sem saber mais o que dizer - pausa pra olhar pra host e perguntar - should I shut up now?" HAHAHAHAHA gente, sério. Não sei se é tão engraçado comigo contando, mas na hora foi "hilarious" como diria minha kid (essa é a palavra preferida dela, junto com fantastic. Até hoje a gente não sabe da onde ela tira essas coisas rs).

Pra terminar, hoje a janta tava otima de novo. Um simples espaguete com molho, mas que molho! Dai terminei o primeiro prato e fui me servir de novo, mas coloquei "pouquinho" porque tava pensando na sobremesa que me esperava no meu quarto rs Quando voltei pra mesa eu disse pra host "A comida tá muito boa. - ai olhando pro meu host - mas hoje eu não vou comer tanto quanto o J* come" hahahaha Meu host olhou pra mim, rindo e dizendo "aiai, eu adorei isso. Sorry, sorry" kkkkkk Expliquei pra ele que era só brincadeira ne? Mas no fundo, no fundo, me sinto um pouco envergonhada rs Só que gente, não vim pra cá pra passar vontade fome né?

Beijos,
Duda.

PS: espero que a praga da minha amiga não resolva me pegar justo nesse ano. Aliás, to procurando balança há tempo de curiosidade pra ver se engordei.




segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Acontecimentos e conclusões desse primeiro mês americano

Oieee, gente!

Hoje é segunda, o fim de semana foi ótimo: off! teve turismo, lazy moments, liberdade na host house, skype com a família e notícias quentes brasileiras! haha

Então, como meu blog não tem sido de muita serventia pras meninas porque eu escrevo mais sobre coisas pessoais, hoje vou falar de alguns dos acontecimentos desse first month (dia 4 completei um mês longe de casa, dia 6 um mês de EUA, e hoje, um na host family rs) e também, de algumas conclusões a que cheguei e que podem ser úteis pra vocês. Detalhe, SEMPRE que quiserem podem me mandar email ou deixar perguntas nos comentários. Criei agora uma aba de "Contato", então vocês podem me achar por ali também. ADORO ser útil rs. Aliás, desde que cheguei aqui muitas meninas vem falar comigo no facebook e afins, e eu adoro poder fazer por elas o que outras já fizeram por mim antes. Ou seja, just ask!! (muitos assuntos já estão bem explicados em outros blogs, por isso não faço postagens sobre os mesmos, mas não significa que eu não esteja disposta a responder, ok?)

Bom, primeiro vamos aos acontecimentos dos últimos dias:

- Cheguei aqui na família e descobri que, diferente do que tínhamos combinado quando eu ainda estava no Brasil, não compartilharei o carro com a host. Terei um só pra mim. Ele é velhinho e era do host, por isso ele resolveu comprar outro. É um focus amarelo de uns 10 anos atras. Só digo uma coisa: Graças a Deus isso aconteceu! Não pelo fato de compartilhar, porque a outra au pair disse que era bem tranquilo. Mas pelo fato de que a host tem uma mini-van e eu não curto carros grandes rs A gente vai rachar o seguro ($35 cada, por mês), o que ótimo, porque eu só uso no meu time off, ou seja, eles tão sendo bonzinhos (mais do que bonzinhos, porque o host é realmente pão duro k). Já dirigi na neve e não é tããão complicado, ainda mais por que aqui, o carro faz tudo sozinho. Tu só usa um pé, acelera e freia. Done.

- Fim de semana passado tive minha primeira aventura americana de verdade haha Fui pra Minneapolis de onibus, porque ainda não tenho GPS, nem estou no seguro (preciso do Social Security Card - que tem sido uma novela por sinal). Então lá fui eu pro MetroTransit e Google Maps pegar informações. Eu teria que fazer baldeação. Ok, vamos nessa né. Almocei em casa com a host family e a família da irmã do host (coisa mais querida!), e parti pegar ônibus. De carro eu levaria 20min, e de ônibus 1h30! Meus hosts sempre se oferecem pra em levar e buscar onde eu precise ir, mas eu realmente acho chato alugar eles, então queria fazer by myself. E realmente não me importo em usar o transporte público, porque né, pra nós tudo é novo e divertido haha Primeiro aprendizado: não tem cobrador! Tu paga pra uma máquina - só pra variar - e se pegar mais, não vem troco! Exatamente!! Ou seja, separe o dinheiro certinho antes de sair de casa haha

Tudo tranquilo, muito frio na espera pelo segundo onibus, cheguei sã e salva na parada final (Mall of America) e encontrei a Letícia. Comemos, conversamos, caminhamos e fomos no parque temático que tem dentro do shopping. Gente, que divertido!! Mas bem carinho viu? Pagamos maior mico. Compramos 'one point' pra cada uma, pra irmos numa montanha-russa que faz um 'passeio' radical pelos cantos do parque, e fomos pra fila. Chegou nossa vez e tivemos que dar meia volta, porque a montanha custa 5 points pra cada uma! Fala sério!! Porque a vendedora nos deu 1 point? Não dá pra fazer NADA no parque com 1 point hahaha

Enfim, não desistimos, compramos os points faltantes (cada point custa um dólar e pouco. Ou seja, sai caro pra ir em vários brinquedos. Dá pra comprar passaporte, mas já era tarde e não valia a pena pra nós) e graças a Deus, quando chegou nossa vez de novo na montanha-russa, já não era mais o mesmo atendente haha


Tô xonada nessa loja da Lego. Esse robô e o helicóptero foram feitos com mini peças de lego. Muito legal!! haha
Vista confusa do parque rs

Eu e a Lê: falo dela mais pra frente hehe

Well, depois da diversão vem a volta pra casa. E detalhe, já tava escuro, ou seja, bem mais difícil tentar ler as placas da rua pela janelinha haha Embaixo do Mall tem uma estação com metrô e vários onibus, então ali foi super fácil. Desci em Saint Paul downtown e descobri que ia ter que caminhar até o o stop bus do onibus que eu precisava, porque por algum motivo o onibus do Mall até St Paul tinha trocado a rota. Ok, achei o lugar depois de ouvir algumas instruções em inglês #orgulho. Chego lá e descubro que é dia de Grand Parade (teve 4, essa era a última) Por isso o primeiro bus tinha trocado a rota, aliás, por isso todos eles tinham trocado, inclusive o que ía me trazer pra casa! Tive que procurar onde ser o novo 'bus stop'. Vocês acreditam nisso? Tinha mais gente procurando seus novos bus stops do que assistindo a parada (porque era realmente muito frio pra ficar parado assistindo um monte de fantasia loucas. Divertido, mas frio haha).

Enfim, caminhei algumas quadras e perguntei pra motorista de um onibus onde eu podia pegar o meu. Ela não sabia me me apontou uma caminhonete MUITO neutra, preta no escuro, estacionada no outro lado da rua. Tinha um cara da prefeitura lá e ele tinha anotado todos os novos bus stops. Sério gente, achei bem organizado, mas meu, a caminhonete podia ter identificação ne? hahah Enfim, por todo o centro tinham folhas A4 penduradas nos postes com os números das rotas que passariam por ali. Adivinham onde era a minha? Exatamente onde desci do primeiro onibus! Hahaha Nem acreditei. Passei frio a toa (só que não né, porque adorei a experiência de me virar sozinha, de noite e em inglês! Proud of me :D e mais ainda, orgulhosa por não ter batido o pavor em nenhum momento haha aliás, uma coisa que já aprendi é que se temos dinheiro e celular, não precisamos nos preocupar com essa coisa de se perder haha). Daí consegui meu bus de volta, cheguei em casa, contei tudo pro host e eles disseram que realmente estavam proud of me too *-* (provavelmente mais felizes pelo fato de eu não ficar alugando eles no fim de semana né? haha)

- Outra coisa que aconteceu essa semana foi meu teste de inglês. Eu perdi as inscrições desse semestre pros cursos que contam créditos (pesquisem isso quando tiverem o match e souberem a data de chegada de vocês! A LCC pode ajudar, e de repente, se vocês já adiantarem algo no Brasil, podem chegar aqui e logo começarem os cursos. Porque os créditos precisam estar todos concluídos se você quiser estender, ou seja, quanto antes melhor. Fora o fato de conhecer novas pessoas, sair de casa, ter com o que se entreter hehe Estudar não é meu principal objetivo aqui, mas vou começar free english classes na próxima quarta, e estudar bastantinho inglês porque o curso que me agradou na Community College tem pré-requisito de nível de inglês (preciso de high score no writing e reading de um teste que eles aplicam e que não lembro o nome rs). Meu teste de nivelamento pra essas free classes foi MUITO demorado. Nossa, eles avisaram pra eu give myself 3 hours to complete it, e eu realmente levei 2h30! Não aguentava mais rs Teve listening, reading e writing. Segundo a mulher, tive uma nota realmente muito boa (isso porque não teve speaking né minha gente? #JoelSantanaFeelings rs Então ela me perguntou porque eu queria estudar mais, expliquei que era por causa do speaking e então vou fazer as advanced classes. Espero que valiam a pena :)
PS: procurar pelos cursos que valem créditos aqui é muito fácil. Minha LCC me mandou esse linke eu só preciso colocar as informações e filtrar os cursos que me interessam. Já percebi que esse é o sistema de busca de muitos estados, ou seja, don't worry. Ah, outra coisa, isso foi uma surpresa muito boa aqui da localização tambem: tenho muita opção de estudo aqui por perto, tanto de onibus como de carro.

- Foras com o host dad: haha sim! Andei quebrando a vassoura aqui de casa, contei isso pra vocês? Enfim, foi muito engraçado! Mas tenho passado por cada situação que eu mesmo crio, que vou te contar heim. Por ex: fomos jantar na casa de um casal de amigos (a mulher é ex au pair brasileira, casada com um americano aqui. Eles são muito queridos e tive strogonoff e arroz brasileiro de janta! Coisa boa!). Aí conversa vai, conversa vem, o casal convidou meus hosts pra sairem. Então eles disseram que depois que o baby nascer e minha host estiver se sentindo melhor, eles vao poder sair pra party everynight (claro, em tom de brincadeira! rs) Aí eu, em tom de brincadeira também, respondi "You'd better get a nanny" e todo mundo riu! haha Depois me toquei da gravidade do que eu tinha falado e no carro falei pra eles que era brincadeira ne? Mas que eu não queria trabalhar todos os dias também haha eles riram e disseram que claro que também estavam brincando :P Já tive várias dessas ai. As vezes me sinto tão a vontade, falo algo e depois percebo que de repente falar isso prum chefe não seria muito legal rs Mas até agora, eles levaram tudo de brincadeira (ao que parece rs)

- Turistando num frio de -12ºC (não faço ideia da sensação): eu e a Lê de novo hehe Dessa vez resolvemos ir conhecer alguns pontos da capital Saint Paul, tais como a Catedral (meu Deus, que lugar lindo!! Não tem mesmo como ter noção através das fotos que tirei. Sério, não tem!), State Capitol (a Casa Branca de Minnesota) e o Science Museum of Minnesota. Nosso roteiro foi nos encontrar ontem de manhã na igreja, participar da Missa, e depois ir pros outros lugares a pé, assim já conhecíamos a cidade (e que lugar lindo! Mas de novo, fotos limitadas por causa do frio rs). Comemos num lugar intaliano enorme e com 500 opções de refeição hahaha e graças a Deus, não congelamos com aquele vento. Saint Paul é considerada a Sibéria Americana, porque o vento faz tudo ficar pior rs. Pelos meus conhecimentos, tem bastante vento lá porque o centro da cidade é todo em torno do rio Mississipi, o segundo mais importante dos EUA e que encontra-se congelado, pra vocês terem uma ideia! Não é um lago, é um RIO CONGELADO e com coisas enormes em cima dele, de tão seguro que o 'gelo' é hahaha

Cathedral of St Paul
Desde que tô no Brasil quero uma foto nessa igreja, mas capaz que eu não ía ter a sorte de ter uma mini-obra ali na frente né? O bom é que vou ter bastante tempo pra tirar foto ali hehe




Rio Mississipi congelado
 
Eu passando frio haha

State Capitol of Minnesota - a Casa Branca daquo
 



Lentes divertidas pra enxergar o mundo com os olhos de um newborn. Leia-se, não enxergar nada! haha

Brasil! HAHAH Sim, meu host perguntou se tem macacos nas ruas!!!

- Homenagem da família: esses dias entrei no facebook na maior despretensão, vou checar as atualizações e eis que me aparecem essas fotos da minha família *-* Achei tão legal! :) Eles acordaram cedo de manhã, pra ver o nascer do sol, e fizeram essas plaquinhas pra mim. Me senti no compromisso agora né? Haha Mas se eu renovar por 9 meses ainda volto em 2015 kkkk (ps: Marambaia é o nome da prainha que vou ha anos, sempre levando uma amiga junto. Vários parentes tem casa lá e o verão é sempre muito divertido! Só quem conhece entende haha)



Conclusões após um mês:

- O frio de Minnesota é realmente intenso, ainda mais caminhando no vento de Saint Paul. MAS, os dias não são nenhum pouco depressivos! Acordo de manha e a primeira coisa que faço é abrir a cortina - assim mesmo, sem nem precisar levantar da cama - e ver o nascer do sol por de trás das árvores secas, o céu azul e as casas todas cobertas de neve. O cenário é lindo e tô apaixonada! Mas, começar um intercâmbio de au pair pelo inverno não é nada easy (falo sobre isso num post próximo rs)

- Morar na casa dos outros não é fácil! Minha host family é ótima, e tô me dando muito bem com eles. E mesmo assim, já acho complicado mas 'convivível' essa coisa de morar com eles. E claro que tem os lados positivos, principalmente pra quem quer aprender inglês, mas ontem, quando fiquei sozinha em casa 100%, por quatro horas, percebi como me senti livre!!

- Amigos aqui são essenciais! Tentem fazer o máximo de contatos aqui antes de chegarem mesmo. Eu fiz isso e mesmo assim, não tem sido fácil. Aliás, vou aproveitar a brecha pra agradecer muito Deus e a Gisella que 'apresentou' a Letícia pra mim logo quando tive o match. Ela chegou aqui exatamente uma semana depois de mim e nós somos a cia brasileira uma da outra, diariamente por sms/facebook, e nos finais de semana quando vamos explore Minnesota. É muito bom poder contar com ela!!

- Alimentação aqui nos EUA não é igual em todas as famílias. Não dá mesmo pra generalizar! Aqui em casa vou muito bem, obrigada =)

- Cookies são deliciosos! haha

- Não sei se li tanto que as coisas eram baratas aqui que acabei me iludindo, mas o fato é que aqui não é o país do 'a preço de banana' não. Muitas coisas são baratas, se considerarmos que ganhamos em dólar e tal. Mas muitas coisas não são, não. Enfim, eu tô guardando meu dinheirinho então nem fui gastar em Mall, nem pretendo. Porque né, foco nas viagens! hehe Mas primos e afins ja andaram pedindo coisas aqui que não vale mesmo mandar pra lá 1-porque o dólar ta alto e só tende a subir com a Copa 2- porque correio não sai barato!

- Agora, uma conclusão que minha amiga me ajudou a chegar rs Lembram aquela semana do troco de família ou não? Essa minha amiga muito iluminada me disse o seguinte: essa não é a família que terei menos trabalho, mas é a família que me conquistou la no Brasil, a família pela qual tive o feeling e com a qual continuo me dando muito bem. E, desde sempre, eu soube que esse era um programa de TRABALHO NOS EUA. Ou seja, quando vocês tiverem 'namorando' as families e pensando se fecham o match ou não com uma família grandinha, considerem bastante se acham que o relacionamento com eles, e o perfil psicológico deles bate com o seu! Se a resposta for sim, então, por enquanto, minha opinião é que vale a pena. Claro, também não vão fazer loucura de fechar com family de 7kids e se iludirem pra se auto-convencerem de que a família fecha mesmo contigo. Gurias, analisem bem antes de saírem de casa rumo ao desconhecido, ok?

Eu tenho a impressão de que eu tinha mais conclusões pra acrescentar mas não consigo lembrar agora. #sorry. Vou começar a anotar hehe Qualquer coisa também, sempre existe a opção editar! haha

Fiquem com Deus meninas! Boa sorte pras que ficaram online, pra quem teve o match (*-*), pra quem ta quase embarcando e praquelas, minhas preferidas, que ainda são aspirantes hehe

Beijos,
Duda!

PS: a nova capa do álbum é uma foto de minha autoria, do anfitrião de North Saint Paul, nosso snowman hehe Ele fica bem na entrada da cidade, há exatas duas quadras da minha casa. Simpático, não? =)